Tags

, , , , , , ,

A família tradicional e nuclear, ou natural, é hoje considerada pelos “progressistas” como sendo pré-determinada, e portanto contra a auto-definição e a autonomia do indivíduo.

Ora, tudo o que é pré-determinado é considerado opressivo pelo “progressismo”, e por isso — dizem os “progressistas” — aquilo que é opressivo tem que ser desconstruído — ; e é assim que o conceito de família tradicional e nuclear é desconstruído, para que se possa afirmar a autonomia do indivíduo.

Mas, sendo assim, a necessidade de desconstrução da família nuclear passa a ser também pré-determinada, e essa necessidade apriorística de desconstrução é, ela própria, opressiva. Portanto, há que desconstruir o pré-determinismo da necessidade de desconstrução da família tradicional.

Anúncios