Tags

, , , ,

O iPad é um aparelho maravilhoso, mas como qualquer computador ele dá acesso a todo tipo de conteúdo e programas, por isso, é preciso alguns cuidados antes entregá-lo a uma criança, além de não perdê-la de vista, claro. No formato padrão, o iPad tem acesso liberado a qualquer conteúdo ou aplicativo, mas existem recursos para restringir o uso do tablet. Acompanhe nesse passo a passo como configurar um iPad para crianças, utilizando as restrições do tablet.

Passo 1. Entre em “Ajustes”, depois em “Geral” e finalmente em “Restrições”;

Acessando a configuração das restrições (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Acessando a configuração das restrições (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 2. Pressione “Ativar Restrições”. Será pedida uma senha para controlar o acesso ao painel de restrições, digite-a e depois repita para confirmar;

Colocando senha no acesso as configurações de restrições (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)
Colocando senha no acesso as configurações de restrições (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 3. Com essa ativação é possível restringir o que o usuário utilizará e a primeira área a ser explorada é a “Permitir”. Nesse item, o administrador pode bloquear ou permitir que a pessoa navegue no Safari, acesse o YouTube, use a câmera, compre músicas através do iTunes, utilize a rede de música Ping e instale ou exclua aplicações pela AppStore;

Bloqueando o acesso a algumas aplicações (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)
Bloqueando o acesso a algumas aplicações (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 4. Na área “Permitir Alterações” é possível bloquear alterações na configuração de localização geográfica (não desative caso queira monitorar aonde o iPad e a criança está), impedir modificações no aplicativo “Mail, contatos e Calendários”, e caso tenha o aplicativo “Find My Friends” instalado, bloquear a lista de amigos e ajustes desse app;

Bloqueando o acesso a serviços e contas (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)
Bloqueando o acesso a serviços e contas (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 5. Em “Conteúdo Permitido” clique na opção “Classificar Para”, que é usada para determinar a classificação de conteúdo pelo país. Essa ferramenta é importante pois cada país adota uma legislação sobre a classificação de conteúdo e jogos. Selecione o país para aplicar automaticamente a classificação de conteúdo apropriada;

Escolhendo a classificação do conteúdo por país (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)
Escolhendo a classificação do conteúdo por país (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 6.  No item “Músicas e Podcasts” de “Conteúdo Permitido” é possível ativar ou desativar a reprodução de músicas, podcasts e videoclipes que tenham conteúdo considerado “Explícito” pela classificação do iTunes;

Ativando o bloqueio a contéudo "Explícito" de áudio (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)
Ativando o bloqueio a contéudo “Explícito” de áudio (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 7. Em “Filmes”, a Apple colocou a disposição do proprietário o poder de escolher uma classificação por faixa etária para os filmes: “Não Permitir”, “Liberado”, “10”,”12″, “14”, “16”, “18” e “Permitir todos os filmes”. Ela é feita no iTunes e pode ser vista na descrição dos filmes;

Bloqueando o acesso a filmes por faixa de idade (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)
Bloqueando o acesso a filmes por faixa de idade (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 8. Na opção “Programas de TV” é permitido bloquear ou não a exibição dos mesmos;

Bloqueando o acesso a Programas de TV (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)
Bloqueando o acesso a Programas de TV (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 9. Em “Aplicativos” é possível esconder todos os apps comprados na opção “Não Permitir Aplicativos”. Permitir por classificação (“4+”, “9+”,”12+” e “17+”) ou autorizar que todos estejam disponíveis;

Bloqueando o acesso a aplicativos por faixa de idade (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)
Bloqueando o acesso a aplicativos por faixa de idade (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 10. Já em “Compras em Aplic.”, você pode impedir a compra de itens dentro das aplicações, os chamados “In-App Purchases”. Com isso, é possível evitar compras desnecessárias ou ;

Passo 11. Para completar, o item “Exigir Senha” pode pedir uma senha em caso de uma compra feita na App Store a cada 15 minutos ou imediatamente. Isso evita que alguém faça compras se aproveitando de sua ausência;

Configurando o tempo necessário para pedir senha (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)
Configurando o tempo necessário para pedir senha (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 12. Os últimos itens de restrição são referentes ao uso da rede Game Center. Na primeira opção, é possível impedir os jogos em grupo enquanto na segunda alternativa você pode evitar que sejam adicionados amigos na conta Game Center usada.

Vale lembrar que todas essas opções ficam a critério do proprietário do aparelho. O TechTudo não se responsabilizará pelas escolhas feitas, apenas mostramos as opções e cabe a você aplicá-la conforme a sua necessidade.

Techtudo Dicas e Tutoriais: Apple

Anúncios